CURSOS/WORKSHOPS

Infecções Respiratórias – prevenção e cuidados


Conversas com Barriguinhas
Infeções Respiratórias
– prevenção e cuidados

Dia 18 de Novembro (sábado) – 15:30h

Joana Dias – Pediatra
Ana Raquel Abreu – Fisioterapeuta Especialista em Neurodesenvolvimento Infantil


Frio, pingo no nariz, tosse, desconforto geral… O inverno está aí outra vez!
E com ele surgem uma série de problemas respiratórios, como as constipações, bronquiolites, otites.

Nos adultos, o paracetamol, a vitamina C e um bom sono poderão ser suficientes para ajudar a superar todos os sinais e sintomas. Mas para os mais pequeninos essa tarefa é difícil, principalmente pela baixa atividade da musculatura abdominal, a qual não permite uma tosse forte/eficaz, dificultando assim a libertação das secreções que se encontram nas vias aéreas superiores e/ou inferiores, dependendo da gravidade da situação.

A obstrução nasal é frequentemente um dos primeiros sintomas nas infeções respiratórias, trazendo uma série de transtornos nas rotinas do bebé, nomeadamente alterações no padrão do sono, perda de apetite, maior nível de irritabilidade, menor energia para brincar. Quando à obstrução nasal se junta a tosse e os “gatinhos no peito” (sibilâncias – ruídos respiratórios), significa que a infeção pode já ter agravado, evoluindo das vias aéreas superiores para as inferiores (pulmão). As secreções produzidas, quando não eliminadas do pulmão, levam a um agravamento do quadro respiratório, com o aumento da frequência respiratória, persistência da tosse e muitas vezes acompanhado de febre.

A correta avaliação clínica da criança pelo pediatra é fundamental de forma a identificar e atuar o mais rapidamente possível prevenindo assim uma infeção respiratória mais grav.e

Na presença deste quadro, a atuação de fisioterapeutas especializados em pediatria e particularmente em fisioterapia respiratória, pode ser determinante, através da utilização de algumas técnicas manuais específicas, as quais poderão facilitar a eliminação das secreções para que o seu bebé possa respirar melhor e ter um sono mais sereno. A Fisioterapia Respiratória, também conhecida como Cinesioterapia Respiratória, consiste assim na aplicação de um conjunto de técnicas manuais não invasivas, que atuam com o objetivo de melhorar o funcionamento do sistema respiratório.

A inscrição fica efetiva após transferência Bancária, do valor de inscrição, para o NIB 0035 2014 0000 5846 930 94 e envio do respectivo comprovativo para geral@mimo-natura.pt


inscrição